9-13h, 14-18:30h
CONTACTO
Já é cliente?

Inicie sessão para aceder à sua área privada

Inspire-se, Notícias, Olin

OLIN ORIGINS - Uma espreitadela ao processo de criação da Carlin para a gama

04 mar 2022 —
Imprimir
OOC-header.jpg

Especialista mundial em cores, a Carlin foi fundamental para o desenvolvimento da gama Olin Origins. Para reinventar o conceito de "kraft" para um papel premium, Olin Origins existe hoje em cinco cores: Chalk, Cereal, Pebble, Indigo y Lava stone. Reunimo-nos com Natalie Weinmann, Designer de Lifestyle e Inovação, e Sophie Chapotat, Directora Artística, ambas da agência, para falar sobre como foram concebidos o conceito e as cores.

Especialista mundial em cores, a Carlin foi fundamental para o desenvolvimento da gama Olin Origins. Para reinventar o conceito de "kraft" para um papel premium, Olin Origins existe hoje em cinco cores: Chalk, Cereal, Pebble, Indigo y Lava stone. Reunimo-nos com Natalie Weinmann, Designer de Lifestyle e Inovação, e Sophie Chapotat, Directora Artística, ambas da agência, para falar sobre como foram concebidos o conceito e as cores.

“Existe uma procura real no mercado para uma gama de papéis “kraft”. Uma necessidade de autenticidade e respeito pela natureza.”
Natalie Weinmann

 

O que estava, para vocês, no centro deste projeto?

OOC-1.jpg

 


Natalie Weinmann: Existe uma procura real no mercado por uma gama de papéis "Kraft". Uma necessidade de autenticidade e respeito pela natureza. Focámo-nos muito neste aspeto da origem natural, para trabalhar no conceito de naturalidade que definimos como vital, poderosa e ao mesmo tempo gentil e benevolente, e chamámos a esta gama “Origins”.


Sophie Chapotat: Não queríamos trabalhar numa visão exuberante da natureza, mas algo que misturasse uma sensação crua e suave. Tirámos inspiração de minerais e plantas, tanto para a textura como as cores para conseguirmos um resultado muito elegante.

 

Para quem desenharam a gama?

N.W: Criámo-la para ir ao encontro da procura de uma clientela bastante epicurista, criadores, artesãos com consciência ecológica que querem acesso a uma gama de papel que é relativamente acessível em termos de preço, mas que tem um verdadeiro carácter e é versátil o suficiente para ser utilizada por alguém na indústria alimentar, hotéis de charme ou marcas de wellness.

 

Onde encontraram a inspiração para desenvolver novas cores?

OOC-2.jpg

A gama e ferramentas Olin Origins

 

N.W: Procuramos inspiração em vários lugares porque tanto o material, como é visualmente e a sua textura são muito importantes para nós. Em relação à pesquisa de cores, trabalhamos com a ajuda de serigrafias feitas especialmente para a Carlin, temos uma enorme biblioteca de cores onde podemos ir ao encontro dos pedidos dos nossos clientes até ao maior detalhe e descobrir o tom certo.

 

“Para nós, o que uno todos é este conceito de naturalidade estética.”
Sophie Chapotat

 

 

OOC-3.jpg

Conceito da gama de cores Olin Origins por Design & Practice

 

Como abordaram o desenvolvimento da cor de Olin Origins?

OOC-5.jpg

Cartão inspiracional Olin Origins Cereal

 

S.C: O que foi verdadeiramente importante para nós foi ter uma gama de cores que funcionassem por si mesmas, cada uma com uma personalidade forte, mas que também pudessem trabalhar juntas. Para nós, o que as junta todas é este conceito de naturalidade estética.

N.W: É tudo sobre equilíbrio, quando pegamos em Chalk por exemplo, que é esbranquiçado, é sóbrio, embora não sendo frio, e tem imensa textura. Não é um branco óptico, mas também não é amarelado.

            

Natalie, tem um tom favorito?

N.W: Gosto de todos, claro mas se tenho de escolher um, vou pelo Indigo, que não era uma cor inicialmente pensada para a gama. É um tom que tanto traz cor real a uma gama relativamente neutrasl mas também se mantém na linha das outras cores. É uma cor que lembra o azul denim, algo que todos temos um bocado em comum. Sim, tenho um carinho por ela.

 

OOC-4.jpg

Olin Origins indigo dentro da pasta de amostras (esquerda), e como cartões de inspiração

 

E a Sophie?

S.C:  Cereals, porque foi um verdadeiro desafio para desenvolver. É uma cor central a todas as gamas “Kraft” e muitas vezes vemos falhas nas cores, que podem ir mais para o verde ou amarelo. Estou muito orgulhosa da qualidade contemporânea e da sua modernidade, a sua precisão.

OOC 7.png

 

Para ver a entrevista completa em inglês, visite https://youtu.be/IbkOgMTmtYs